13 arranha-céus de cortar a respiração que impressionam o mundo

À medida que os extraordinários feitos da engenharia moderna se concretizam, vemos enormes arranha-céus tornarem-se realidade, quais senhores dos céus. A cada nova construção que é concluída, um novo e moderno design está em desenvolvimento, criando o que de outrora seria inimaginável.

Por isso, trazemos hoje para ti algumas dessas incríveis maravilhas espalhadas por todo o mundo:

1. One World Trade Center – Nova Iorque, EUA

Anteriormente conhecido como a “Torre da Liberdade”, foi construído num esforço para lembrar o original “World Trade Center” perdido nos devastadores ataques terroristas de 11 de Setembro. Concluído em 2012, o One World Trade Center é agora o edifício mais alto dos Estados Unidos, com 541,3 metros de altura.

2. Torre da Evolução – Moscovo, Rússia

Atingindo uma altura de 245 metros, ficou em segundo lugar no Emporis Skyscraper Awards em 2015 como um dos melhores arranha-céus do mundo. A sua forma, a de uma dupla hélice de DNA, simboliza a união de indivíduos, famílias e gerações – daí o nome.

3. Agora Garden – Taipé, Taiwan

Rotulada como  torre “comedora de fumo” de Taiwan, a torre ecológica é um dos maiores locais residenciais designados na região. O arquiteto Vincent Callebaut venceu uma competição de design para o projeto em 2010. O exterior verde em cascata apresenta um “conceito pioneiro de eco-construção sustentável”. Reduzir a nossa pegada de carbono é realmente o futuro!

4. Lakhta Center – São Petersburgo, Rússia

Com 462 metros de altura, é o edifício mais alto da Rússia e da Europa. Uma torre única, é o arranha-céus mais setentrional do mundo. A quantidade de betão/concreto da fundação do edifício está registada como um Recorde Mundial do Guinness como sendo o maior derramamento contínuo de betão/concreto do mundo. A inspiração para o design da torre é a própria natureza – o topo converge para formar uma flor, uma chama, uma tocha de gelo, um farol e uma torre.

5. W350 – Tóquio, Japão

Com conclusão prevista para  2041, a torre W350 será o arranha-céus de madeira mais alto do mundo. A estrutura foi projetada mantendo a natureza em mente – as pessoas podem desfrutar de uma brisa fresca e também do sol dentro do prédio. Destina-se a fornecer o descanso tão necessário no meio de um ambiente urbano, exalando calor e tranquilidade.

6. Dynamic Tower – Dubai, Emirados Árabes Unidos

Cada andar deste edifício revolucionário pode ser rodado pelos seus residentes, criando a possibilidade de que seja diferente todos os dias. David Fisher, o arquiteto que nunca havia construído um arranha-céus antes, chama estes edifícios de “projetados pelo tempo, moldados pela vida – que abrirão a nossa visão para uma nova vida”.

7. Grand Lisboa – Macau, China

Verdadeiramente grandioso quer no exterior que no interior, o icónico arranha-céus destaca-se no horizonte de Macau pela sua exuberância ousada e extravagante que representa a Macau moderna. O edifício pretende refletir a influência portuguesa compartilhada por Macau e pela América do Sul. Em exposição permanente no hotel está o “The Star of Stanley Ho” – o maior diamante em forma de almofada no mundo.

8. Universidade Estadual de Moscovo – Moscovo, Rússia

Sendo o edifício educacional mais alto do mundo, a sua história remonta a 1755 – quando era conhecido como Universidade Lomonosov, em homenagem ao seu fundador. Uma tradição de longa data de excelência académica, é a mais antiga e famosa universidade russa – entre os seus ex-alunos, estão incluídos um número de cientistas famosos e vencedores do Prémio Nobel.

9. The Big Bend – Nova York, EUA (proposta)

O arranha-céus arqueado de 4.000 metros, o Big Bend, seria o maior edifício do mundo, se fosse construído. Foi projetado por Ioannis Oikonomou na tentativa de evitar restrições à altura dos arranha-céus em Manhattan.

10. Al Noor Tower – Casablanca, Marrocos (proposta)

Este edifício proposto, quando concluído, será o mais alto do continente africano. Criado pelo designer francês Amédée Santalo, o design da torre lembra a ponta de uma caneta antiga – simbolizando a reescrita do futuro de África pelo xeque Tarek bin Laden.

11. Jeddah Tower – Jeddah, Arábia Saudita (em construção)

Com previsão de conclusão em 2020, a Jeddah Tower será o primeiro edifício do mundo a atingir uma altura de 1 km. Inspirada por um feixe de folhas que brotam do chão, a torre é projetada como uma tentativa de significar crescimento, prosperidade e emergência regional – um símbolo da estatura económica e cultural do Reino.

12. Kingdom Centre – Riade, Arábia Saudita

O terceiro edifício mais alto “com um buraco” no mundo, a grande abertura no Kingdom Centre é iluminada à noite em cores em constante mudança. O arco invertido no topo foi descrito como sendo o “colar” da cidade.

13. Q1 — Gold Coast, Australia

O Q1 é reconhecido como um dos ícones de referência em Queensland pelo seu “notável feito de engenharia”. É a sexta torre residencial mais alta do mundo e a mais alta da Austrália e do Hemisfério Sul. O design da torre foi inspirado na tocha olímpica dos jogos olímpicos de Sydney 2000.

Comentários
Loading...