Crianças teimosas e rebeldes são mais propensas a ter sucesso no futuro, de acordo com um estudo

Crianças teimosas podem ser um pesadelo, a verdade é essa. Não entendemos porque nos desobedecem e se comportam mal. Não sabemos as razões que os encorajam a desafiar a nossa autoridade e algumas das suas atitudes até nos fazem pensar que somos maus pais. Mas não te preocupes muito, há algo de positivo em tudo isso porque, de acordo com uma pesquisa conduzida pela ResearchGate, as crianças mais teimosas e rebeldes são mais propensas a tornarem-se adultos de sucesso no futuro.

Compilamos aqui os resultados deste estudo para que possas entender o que está por trás do comportamento rebelde dos teus filhos.

O que a ciência diz sobre crianças rebeldes

Quando as crianças começam a estudar, acreditamos que precisam atender a certas expectativas, como tirar boas notas, ter excelente comportamento e ser obedientes, respeitosas e calmas para terem um futuro promissor. Este estudo, que compilou informações desde 1968, foi originalmente baseado numa análise do comportamento de cerca de 3.000 crianças entre 8 e 12 anos, incluindo inteligência, medidas educacionais, aspirações, estatuto socioeconómico, antecedentes familiares e um questionário sobre atividades escolares e quotidianas, sentimentos, pensamentos e hábitos dos alunos.

Após mais de 40 anos de acompanhamento, o estudo mostrou que as crianças que geralmente desafiavam a autoridade dos adultos tinham a tendência de questionar as coisas que aconteciam ao seu redor e pensar além dos limites estabelecidos para elas. Isso dá-lhes alguma vantagem criativa quando se trata de novas ideias ou do lançamento de negócios. Aqueles que eram considerados rebeldes, desobedientes, agressivos e teimosos foram capazes de se colocar em posições importantes dentro do local de trabalho, ganhando mais dinheiro do que aqueles que tiveram melhores notas e foram mais disciplinados durante a infância.

Inteligência, responsabilidade e comprometimento são importantes.

As características e comportamento dos alunos desempenham um papel significativo. O sucesso vai além de ter bons recursos cognitivos e fazer parte de uma família rica e de classe alta. A qualidade de formação profissional e académica, além do interesse e responsabilidade que a criança desenvolve ao longo da sua vida, são fatores determinantes que utilizam para alcançar sucesso profissional e económico.

De acordo com as variáveis ​​analisadas, determinou-se que o sucesso das crianças rebeldes na sua vida adulta pode ser o resultado de seu egoísmo e da sua capacidade de colocar os seus próprios interesses em primeiro lugar. Por não cumprir as regras que lhes são impostas, tornam-se especialistas quando negociam e defendem o salário que desejam, e a sua inconformidade sempre os leva a buscar a opção mais atraente e favorável para si.

O que era considerado comportamento desobediente há 50 anos não tem nada a ver com o que é hoje, e o sucesso das crianças rebeldes poderia ter outra explicação.

O estilo de vida que existia há décadas atrás provavelmente não tem muita semelhança com nosso modo de vida atual. Por outro lado, é possível que em alguns casos as pessoas que eram crianças rebeldes não alcançassem o sucesso da maneira mais ética ou talvez não fossem muito aplicadas nos seus estudos e tivessem que passar mais tempo na escola. Se eles passassem mais tempo na escola, isso poderia aumentar a possibilidade de absorverem o conhecimento necessário para a faculdade e torná-los mais conscientes do que queriam para o futuro. Se o teu filho é rebelde ou teimoso, não deves ficar muito ansioso(a), porque existe a possibilidade de que o teu filho se torne um adulto muito bem sucedido.

O que achas desta descoberta? Achas que o comportamento infantil pode determinar o futuro de uma criança? Quão rebelde eras quando criança? Nós gostaríamos de ler as tuas respostas nos comentários.

Comentários
Loading...